Número 218 da Revista Cenáculo

𝗡𝗢𝗩𝗜𝗗𝗔𝗗𝗘𝗦

🖋Já saiu o último número 218 da Revista Cenáculo:
❞Fragmentos pandémicos ❞ !

📌 ❞ Ultimamente, temos vivido diante de um processo social, sem dúvida, muito singular, que logo tomou consciência de si, nomeando-se e situando-se em relação ao seu passado, ao seu futuro e, claro está, à relação com o presente. A este processo denominamos de Pandemia. ❞

📌 ❞ Questionamo-nos: “Uma nova paróquia pós-pandemia?”, obrigando-nos, eventualmente, a repensar o “Tradicionalismo e Modernidade na paróquia” e até mesmo o assunto do dia: “Sinodalidade e Comunhão”. Revisitamos o papel da mulher, hoje como ontem, a partir de “Jesus e a dignificação da mulher”. A ecologia e o seu papel como princípio e ponto nevrálgico para o equilíbrio da “Enteléquia e Terra Convida”. Por fim, numa alusão ao recente quotidiano, surge a questão: “Cuidado: contágio ou imunidade?”.❞

📌 ❞ São Fragmentos Pandémicos porque escritos ou rescritos em plena pandemia. Assuntos pertinentes, porque saindo do subterrâneo, foram repensados à luz dos isolamentos. Muito grato a todos os intervenientes que, colaboraram para o lançamento desta revista. Grato também a todos os intervenientes que, ao longo do último ano, trabalharam para que o impossível se realizasse.❞

𝗙𝗼𝘁𝗼𝗴𝗿𝗮𝗳𝗶𝗮: Sérgio A. M. Araújo
𝗦𝗶𝘁𝗲: http://revistacenaculo.pt/
𝗣𝗮́𝗴𝗶𝗻𝗮 𝗱𝗼 𝗙𝗮𝗰𝗲𝗯𝗼𝗼𝗸: https://www.facebook.com/revistacenaculo
𝗘𝗺𝗮𝗶𝗹: rev.cenaculo@gmail.com

Número 217 da Revista Cenáculo

𝗡𝗢𝗩𝗜𝗗𝗔𝗗𝗘𝗦

🖋Já saiu o último número 217 da Revista Cenáculo:

❞𝑨𝒓𝒒𝒖𝒊𝒕𝒆𝒕𝒖𝒓𝒂 𝒆 𝑨𝒓𝒕𝒆 𝑪𝒓𝒊𝒔𝒕𝒂̃ ❞ !

📌 ❞ Este número inicia-se mergulhando o silêncio do 𝐼𝑛 𝑚𝑒𝑚𝑜𝑟𝑖𝑎𝑚 porque memória e gratidão são os motivos fundamentais que presidiram à evocação de tão distinta e nobre figura”. Percebemos que os factos vão tomando corpo com a “aparição da linguagem digital” do novo site da Revista Cenáculo: www.revistacenaculo.pt.

📌 ❞ O futuro surge das neblinas, mas “cidades e aldeias choram”, numa continua lamentação dançante. A arte da dança é rasgo esperançoso. Menção honrosa ao 60° aniversário da Sagração da Igreja de S. José, em Fafe, celebrando “a grande casa de um Deus que não é estranho ao seu povo”. Por fim, percorremos algumas das icónicas obras arquitetónicas religiosas. Um batistério e a renovação de um espaço celebrativo. São convite a contemplar.❞

📌 ❞ A necessidade de traçar a trajetória do número 217 faz entrever um convite à multissensorialidade da “Arquitetura e Arte Cristã”. Rica em imagens merece ser folheada. Muito gratos a todos os que colaboraram para o lançamento desta revista. ❞

𝗙𝗼𝘁𝗼𝗴𝗿𝗮𝗳𝗶𝗮: Vítor Araújo
𝗦𝗶𝘁𝗲: http://revistacenaculo.pt/
𝗣𝗮́𝗴𝗶𝗻𝗮 𝗱𝗼 𝗙𝗮𝗰𝗲𝗯𝗼𝗼𝗸: https://www.facebook.com/revistacenaculo

𝗘𝗺𝗮𝗶𝗹: rev.cenaculo@gmail.com